Entertainment

Gloria Groove detalha o álbum “Lady Leste” em faixa a faixa

O mundo pop deve ser abalado com um dos lançamentos mais aguardados do ano nesta quinta-feira (10). Gloria Groove está chegando com o álbum “Lady Leste” – projeto que já agrega hits como “Bonekinha“, “A Queda” e “Leilão“.

Leia mais: 

Foto: Rodolfo Magalhães

Transitando entre diversos estilos musicais, GG parece resgatar suas vivências na Zona Leste de São Paulo para compor o que deve ser a sua grande era pop. As participações confirmadas no disco confirmam a versatilidade da artista: Hariel, MC Tchelinho, Marina Sena, Tasha & Tracie e Priscilla Alcantara são nomes que aparecem no decorrer das 12 faixas da tracklist.

Confira as faixas de Lady Leste comentadas por Gloria Groove:

1 – SFM [ft. Hariel]

“Essa faixa nasceu de um beat que o Ruxell fez. No dia, não deu em nada, mas no dia seguinte, voltei com o rascunho da letra. Só muito depois tivemos a ideia de levarmos para o Hariel, e achei ótima a ideia de abrir o álbum com ela. Nada melhor do que SFM, um funk envolvente para preparar a pista! O Hariel chegando com o verso dele é algo indescritível! É uma das músicas-chave do álbum.”

2 – BONEKINHA

“Bonekinha é onde toda essa brincadeira começou! Experimentei a estética de Lady Leste a partir dela e tornei Bonekinha como meu norte. Bonekinha tem tudo o que tem no álbum: o funk no início, rap e trap do meio do álbum e a guitarra do fim. Para mim, continua sendo o maior hino de Lady Leste! É um fenômeno, nos shows tem sido uma das grandes experiências da minha vida.”

Gloria Groove apresenta alter ego Lady Leste, lança single "Bonekinha" e inicia nova era
(Foto: Rodolfo Magalhães)

3 – VERMELHO

“Nesta música, mais um funk, presto uma homenagem à vida e a obra do MC Daleste com um sample da mina de vermelho, um grande sucesso dele. Ele faleceu em 2013, infelizmente, mas marcou a vida de muitas pessoas da minha idade nas festas e nos bailes. Antes de mim, ele foi um dos artistas que colocou a zona leste no mapa, por isso a escolhi para puxar a chegada do álbum. Ela grita zona leste!”

Foto: Rodolfo Magalhães

4 – FOGO NO BARRACO [ft. MC Tchelinho]

“Foi uma sacada que Pablo e Ruxell me mostraram e amei de primeira. Falei: ‘É muito Lady Leste!’. Quando ouvi esse beat. imaginei Tchelinho cantando em cima dela! Só podia ser ele, porque Fogo no Barraco é um samba pop bem largadinho, tem uma letra sensual. Desde que ouvi, senti que era algo como ‘Lady Leste in Rio’.”

5 – TUA INDECISÃO [ft. Sorriso Maroto]

“Pagode sempre esteve presente na minha família. Nos intervalos de gravação, brincando, falei: ‘Vamos fazer um pagode bem anos 2000?’. A letra deve ter saído em meia hora, foi muito rápido. Minha referência foi o Sorriso Maroto, que era o que mais ouvia em casa. O vocalista, Bruno Cardoso, topou gravar a faixa! Foi uma bênção, uma experiência muito doida, e com a produção de dois gênios que eu já conhecia pelo trabalho com a minha mãe, cantora do Raça Negra.”

6 – APENAS UM NENÉM [ft. Marina Sena]

É uma faixa muito gostosinha, uma das mais fofas, entra em qualquer lugar, desce redondo. É fofinha, apaixonante, sensual, com a participação da Marina Sena, por quem me apaixonei demais, é uma das amigas mais incríveis que fiz em 2021. É uma artista excepcional e uma pessoa muito simples, querida e generosa. É um arrocha de duplo sentido que vai unir as famílias!”

7 – JOGO PERIGOSO

“É uma das faixas mais antigas de Lady Leste. Um reggaeton que gravei na era de Alegoria e guardei para entrar no projeto certo. quando vi meu álbum, decidi colocar Jogo Perigoso. Precisava de um reggaeton para dar uma quebrada, e também é pop. Conseguimos expandir o ritmo para o Brasil e o mundo com o reino da nossa musa Anitta. É uma das faixas solo do álbum, estaria no álbum da diva pop que eu escutaria.”

Foto: Rodolfo Magalhães

8 – GRETA

Greta é mais um alter-ego meu e apresenta a parte mais hip-hop do álbum. Em Alegoria, criei a Mary Jane e outras duas personagens em Sedanapo. Repito esse comportamento em Leilão. É como os filmes do Eddie Murphy ou os clipes da P!nk, em que eles interpretam todo mundo. Se Mary Jane é meu alter-ego fofinho, amoroso e até meio trouxa, Greta vem para ser o meu outro extremo, quando estou muito brava e nervosa. Acho que eu a escondo dentro de mim, jamais seria a Greta para fora. Greta porque é Treta que se escreve com G!”

9 – PISANDO FOFO [ft. Tasha & Tracie]

Estávamos falando sobre religião, sobre respeito, ir com cuidado, e alguém falou essa expressão, ‘pisando fofo’. Pablo mostrou uma anotação e eu pirei muito! Complementei com um versão e virou uma música. É um trap para ouvir no carro, acho que vai ser um hino para todo mundo. As linhas de Tasha & Tracie agregam demais para o álbum! Elas são muito inteligentes, estilosas, sagazes. Ter a presença delas é incrível!”

10 – LEILÃO

“Fiz Leilão inspirada em toda a minha vivência em mesas de reunião com a minha equipe, sobre propostas, interesse de grandes marcas no meu trabalho e o que isso significa. Com o tempo, entendi o que o meu trabalho representa para a cultura e entendo mais o meu valor. Quanto vale o que a gente faz? Dá para colocar um valor na arte? Porque o que a gente faz não tem preço para o nosso coração, mas dentro do mercado tudo é sobre dinheiro. E eu não teria feito de um jeito menos debochado!”

Gloria Groove Leilão
Foto: Instagram @gloriagroove

11 – LSD

“Estava dentro de outro projeto e o Pablo me apresentou. Fiquei apaixonada. Como A Queda, é mais uma música sobre o monstro da fama, puxando a referência da Lady Gaga. O que o sucesso e a notoriedade afetam a nossa saúde mental. Fala sobre quantas vezes temos que nos deitar com a fama para nos encontrarmos. É sobre os sacrifícios que fazemos e sobre os vícios que encontramos pelo caminho. Amo muito porque traz uma densidade para o álbum e cumpre o papel de abrir a parte final, mais rock”.

12 – A QUEDA

É o auge pop rock do álbum. Fala sobre um tema muito delicado e atual, o ódio coletivo que é o grande medo da sociedade. A estética do clipe sempre foi o terror, e consegui fazer em tempo para o Halloween. A Queda é a grande ironia da minha vida, porque depois dela as coisas só têm decolado! Talvez porque eu fui muito mais humano do que podia imaginar falando sobre isso, e me divertindo. Acho que isso cativou as pessoas. A Queda vai ser para sempre um divisor de águas na minha carreira”.

Foto: Divulgação

13 – SOBREVIVI [ft. Priscilla Alcantara]

“Conheço Priscilla desde os nove anos, trilhamos caminhos completamente diferentes e agora nos reencontramos como artistas pop. Jamais imaginava que poderia cantar Sobrevivi com ela. Queria uma música de estádio, para cantar emocionado com a galera no final do show. Queria escrever o meu Halo [da Beyoncé]! Fui buscar referências, já tinha uma muito pesada de Arctic Monkeys e outra mais atual. Cheguei no estúdio com a estética pronta na cabeça e com o refrão. Quando a equipe ouviu, falaram: ‘Isso é Priscilla Alcantara!’. Fez muito sentido! Nem tinha escrito o primeiro verso e decidi que cantaria com a Priscilla. Para mim, ela dá uma sensação de desfecho, tem o papel de concluir o ciclo desse álbum e apontar para o futuro com esperança, amor e paz. Escrevi uma carta de amor aos meus fãs”.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

close