Entertainment

Mundo Positivo » Ator de Stranger Things confirma: ‘Will é gay e ele ama o Mike’

A quarta temporada de Stranger Things deixou claro, para muitos telespectadores, que Will Byers, vivido por Noah Schnapp, é gay. Parte do público afirma que sabia disso desde a temporada de estreia. Mas a trama da Netflix ainda não explicitou o fato, tratando do tema nas entrelinhas. Em entrevista à Variety, Noah Schnapp foi claro e direto: Agora, está 100% claro que Will é gay e que ele ama o Mike.”

O próprio ator pisou em ovos ao falar sobre o assunto antes da quarta temporada, até para não dar spoilers e estragar a experiência dos fãs de Stranger Things. Em papo com a mesma Variety, inclusive, Noah Schnapp disse anteriormente que a sexualidade de Will estava “aberta a interpretação”.

Desta vez, Schnapp falou francamente sobre a jornada de Will. “Já na primeira temporada haviam pistas”, contou o ator. “Sempre estiveram por ali, porém você nunca sabia, tipo, estaria ele apenas crescendo mais devagar do que seus amigos? Ele amadureceu com o passar do tempo, e os roteiristas/produtores [da série] fizeram disso uma coisa muito real e óbvia.”

“Agora, está 100% claro que ele é gay e que ama o Mike”, continuou. “Mas antes, foi um arco lento, feito tão lindamente. Isso porque é muito fácil fazer um personagem de repente se apresentar como gay.”

Noah Schnapp (à esq.) com Charlie Heaton na quarta temporada de Stranger Things
Noah Schnapp (à esq.) com Charlie Heaton na quarta temporada de Stranger Things

Jornada real e impactante

Ele contou uma experiência que o impactou. Andando em Paris, um homem de 40 anos lhe abordou e compartilhou o quanto a jornada de Will o fez se sentir bem, pois se identificou com todas aquelas dificuldades, com as batalhas internas e externas. “Ouvir aquilo me deixou muito feliz”, afirmou Schnapp. “Stranger Things está mostrando um personagem real, essa jornada real, luta real e está fazendo isso muito bem.”

A sexualidade de Will na série da Netflix transitou pelas entrelinhas em várias situações, como nas próprias conversas entre ele e Mike (Finn Wolfhard). Um caso interessante nesse quesito foi o papo com o irmão mais velho, Jonathan (Charlie Heaton), que disse em outras palavras ao caçula: “eu sei que você é gay e estou aqui para te apoiar.”

Schnapp revelou que essa interação entre Will e Jonathan não estava no roteiro original. A cena foi escrita durante as gravações, após os produtores perceberem uma brecha para inserir essa conversa. Isso ocorreu na sequência de um papo cortante entre Will e Mike, dentro da van, com Jonathan olhando pelo retrovisor o irmão arrasado.

“É muito importante que as pessoas vejam que Will não está sozinho”, contou Schnapp. “Tudo o que vemos dele é lutar e se sentir deprimido, pois não pode ser ele mesmo. Jonathan falou com ele em código. Foi a maneira perfeita de dizer a alguém, como Will, que quem está ao lado se importa e o aceita”. ⬩

Fonte: Observatório da Televisão

Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.

close