Sports

Pai larga carreira de sucesso e vive sonho com filho, ícone da nova geração – 14/08/2022

Você seria capaz de largar uma carreira de sucesso, sendo dono de empresa e aclamado na profissão, para correr atrás do sonho do seu filho?

Neste Dia dos Pais, uma história do mundo do surfe que representa bem o que o amor paterno e pelos mares pode fazer.

Ex-empresário de uma produtora de cinema, Alex Miranda coleciona milhares de comerciais dirigidos, centenas de videoclipes musicais gravados e dezenas de documentários.

Na Copa do Mundo de 2014, aqui no Brasil, aliás, fez um dos vídeos do evento.

Mas as conquistas profissionais já não empolgavam tanto quanto seguir as remadas de Ryan Kainalo.

Por isso, deixou tudo… para viver e curtir com os filhos.

“Eu tive a produtora por 12 anos. Foi um dos sonhos mais lindos da minha vida, poder fazer uma ideia virar realidade. Fizemos trabalhos incríveis e, como em todo ciclo, um dia acabou. Eu já fiz filmes publicitários de tudo, desde carros, bebidas, geladeira, tênis, moto, fraldas… fiz clipes para grandes artistas… mas precisava dar um stop.

Ryan - acervo pessoal - acervo pessoal

Alex Miranda e o surfista Ryan Kainalo

Imagem: acervo pessoal

E, paralelamente, o Ryan estava explodindo nas competições. Me deu cinco minutos e decidi mudar tudo. E nos últimos três anos, eu o acompanho de forma exclusiva”, disse Miranda, ao Surfe 360.

“Eu fui muito criticado pela minha decisão, tanto por alguns familiares quanto por colegas de trabalho. Foi um verdadeiro choque para todos, mas essa é minha história, sempre com emoção. Agora, eu quero me tornar uma pessoa melhor e mais espiritualizada”, completa.

E o potencial de Ryan endossa essa paixão.

O jovem de 16 anos, que já foi elogiado até pelo 11 vezes campeão mundial por Kelly Slater, possui uma vasta coleção de títulos: ‘Circuito Havaiano sub-12‘, ‘Grom Search Maresias e Praia da Grama’, ‘Ballito Pro Junior na categoria sub-16‘, além de brilhar em etapas do Qualifying Series e do Circuito Brasileiro, que ganhou maior profissionalismo em 2022.

Ryan - acervo pessoal - acervo pessoal

Alex Miranda, pai e videomaker de Ryan Kainalo

Imagem: acervo pessoal

Miranda, que também pega onda, já levava Ryan para surfar no Havaí desde os três anos de idade.

Respirar os ares do principal arquipélago das ondas, um dos mais imponentes palcos do esporte, foi um diferencial que acelerou a evolução do garoto.

Em sua ‘nova rotina’, Alex passou a administrar as demandas profissionais relativas aos patrocinadores, logística de viagens e custos para que Ryan foque apenas no desempenho no mar.

ryan - WSL - WSL

Ryan Kainalo durante etapa do QS em Açores

Imagem: WSL

Mas os conteúdos audiovisuais ainda têm um lugar cativo: é ele quem normalmente grava e edita os vídeos de ação.

Cuida também das demandas do Kalani, o outro filho, outro vidrado no esporte.

Com tantos resultados de ponta, tantos pódios, tantos troféus… os sonhos podem sim se tornarem realidade… e logo.

O desejo é ver o filho no Top 5 do mundo em pouco tempo.

Ryan - acervo pessoal - acervo pessoal

Alex Miranda e Ryan Kainalo

Imagem: acervo pessoal

Onde eles vão comemorar esse ‘Dia dos Pais’? Na praia, claro.

A partir de amanhã, Ryan compete no ‘Arica Pro Tour’, QS 5 mil do Chile.

Ou seja, vão curtir do jeito que mais gostam: Ryan competindo e Alex sempre ao lado dele, torcendo, orientando e registrando todos as manobras do garoto.

por: Kaique Ferreira / @ferreirakaique – especial para o Surfe 360

Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.