Sports

Podcast Plano Geral: Emma Thompson brilha como aposentada que busca prazer no sexo – 01/08/2022

O Plano Geral desta semana conta tudo sobre “Boa Sorte, Leo Grande”, grande estreia da semana nos cinemas. Aos 63 anos, Emma Thompson vive um dos melhores papéis de sua carreira – o da professora aposentada que, viúva e após décadas em um casamento sem grandes emoções e uma vida sexual infeliz, decide ter seu primeiro orgasmo com um garoto de programa, vivido pelo ator irlandês Daryl McCormack, de “Peaky Blinders”. (ouça no arquivo acima partir do minuto 2’00).

“A gente está obcecado com sexo, mas não muito preocupados em como o sexo é sentido, mas em como o sexo aparenta ser. O mesmo ocorre com nossos corpos, em como nosso corpo aparenta ser para outra pessoa porque é isso que tem sido valorizado em nós, particularmente nas mulheres. Mas a ideia de que a gente talvez passe tempo pensando em como o sexo é, ou é sentido, ou o seu corpo sente e que você talvez determine o que quer a partir disso, em vez de parecer sexy ou atraente, é imensa”, comentou a diretora Sophie Hyde ao Splash UOL. (ouça no minuto 5’00)

Para ela o sexo com mais naturalidade. “Infelizmente, não é como fazemos. Mas amo a ideia de que a gente pode fazer isso. Então, eu recebi o roteiro de um filme em que uma mulher quer ter uma vida sexual melhor e, então, ela contrata um profissional do sexo para ajudá-la. E esta mulher ia ser interpretada pela Emma Thompson. Achei esta ideia irresistível porque eu podia ver Emma no papel e eu gosto da ideia de intimidade e de explorar a intimidade e o sexo entre duas pessoas e limitar isso a um quarto. Então, esta ideia de intimidade e conexão e intimidade física tanto quanto num jogo emocional de poder, ou numa dança, era muito importante para mim. Foi isso o que eu imediatamente senti”, contou ela.

Nesta edição, Flavia Guerra e Thiago Stivaletti ainda analisam a série “The Offer”, da Paramount+, que narra em dez episódios os conturbados bastidores das filmagens do clássico “O Poderoso Chefão”, com um elenco que conta com nomes como Dan Fogler (Francis Ford Coppola), ,Juno Temple (Bettye McCartt), Giovanni Ribisi (Joe Colombo), Matthew Goode (Robert Evans) Miles Teller (Albert S. Ruddy), , Burn Gorman (Charles Bluhdorn) e Colin Hanks (Barry Lapidus). (ouça a partir do minuto 19:50)

Detaque também para “Ennio, o Maestro”, documentário que dá uma aula de trilha sonora por meio da carreira do grande Ennio Morricone. Em cartaz no festival 8 1/2 Festa do Cinema Italiano, que ocorre em 20 cidades do Brasil até o dia 10 de agosto, o filme tem direção de Giuseppe Tornatore (de “Cinema Paradiso”, cuja trilha também foi composta por Morricone). (ouça a partir do minuto 32’10)

“Meu pai foi procurado por dois produtores de cinema, da produtora Piano B, que disseram que queriam fazer um documentário sobre ele. Na mesma hora, meu pai telefonou ao Tornatore e perguntou se ele queria fazer um documentário. sobre ele. E ele respondeu que sim. Aí, papai voltou aos produtores, que o esperavam na sala de casa, e disse: ‘Eu aceito, mas só se o Tornatore dirigir.’ E assim começou a história deste filme”, contou Marco Morricone, filho do maestro, que o acompanhou em suas turnês pelo mundo nas últimas décadas de sua carreira.

Plano Geral é distribuído às segundas-feiras em Splash UOL. No programa, Flavia Guerra e Thiago Stivaletti conversam sobre o assunto que mais amam na vida: cinema. Os grandes lançamentos de Hollywood, o melhor do cinema brasileiro, os filmes de autor do mundo todo que estão bombando nos festivais. As estreias da semana nas salas, dicas do streaming e muito mais.

Você pode ouvir o podcast “Plano Geral” em plataformas de áudio como Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, além do Youtube de Splash.



Source link

Leave a Reply

Your email address will not be published.